Ler o post

O mercado financeiro e de investimentos cresceu muito nos últimos anos, no Brasil. 

E com isso, surgiu a necessidade de aperfeiçoamento dos profissionais que trabalham nesta área. 

Hoje, os gestores de investimentos são profissionais com amplo mercado de atuação. São eles que gerenciam os recursos de terceiros visando à potencialização de sua rentabilidade. 

Esse gerenciamento pode ser feito por administradores, contadores, economistas, gestores, investidores com ensino superior e demais entusiastas na área de finanças e investimentos. 

Se você gosta do mercado financeiro, convidamos que leia esse artigo até o final e descubra as possibilidades que existem atualmente para o gestor de investimentos.  

Quem sabe não está aí uma nova profissão para você? 

gestora

O que é um Gestor de Investimentos? 

Gestor de investimentos é o profissional que tem como função principal fazer o gerenciamento do patrimônio de um fundo de investimentos. A ideia é que ele obtenha rendimentos positivos, fazendo com que o patrimônio que está sob sua responsabilidade possa crescer a partir de suas decisões. 

O gestor de investimentos também é conhecido como gestor de fundos, gestor de ativos ou, em inglês, asset manager. 

Essa é uma área que tem ganhado cada vez mais destaque dentro do contexto organizacional.  

É o gestor que decide quais serão os investimentos feitos e quais uma empresa deve evitar, sempre com o objetivo de fazer o patrimônio crescer. 

O que faz um gestor de investimentos? 

O profissional de gestão de investimentos é quem analisa como estão as finanças da empresa, além de buscar quais são as melhores alternativas de investimentos do mercado.  

Essa é uma área que tem ganhado cada vez mais destaque dentro do contexto organizacional.  

Dentre esses investimentos, os mais comuns são: 

Ações; 

Títulos de Renda Fixa; 

Imóveis; 

Commodities; 

Fundos de investimento 

O gestor de investimentos tem o poder de decidir o que comprar ou vender e quando isso deve ser feito, respeitando a política do fundo em que atuam, ou do cliente. 

As decisões sempre são tomadas a partir de tendências e indicativos do mercado financeiro. 

Geralmente, as oportunidades chegam ao gestor de investimentos por meio de analistas, e cabe a ele identificar onde estão as melhores oportunidades para seus clientes.  

A atuação do gestor também depende do perfil do cliente, se ele é ousado, que pode ter ganhos maiores e mais rápidos na mesma proporção que possíveis perdas. Em contrapartida, o cliente com perfil mais conservador prefere investir de maneira contida, evitando grandes prejuízos.  

O gestor de investimentos tem liberdade, porém controlada 

Isso porque os fundos podem utilizar modelos diferentes de administração, optando pelos regimes passivo ou ativo. 

No caso de uma administração passiva, o objetivo principal é replicar o desempenho (em rentabilidade) de um determinado índice. O gestor não possui autonomia para realizar escolhas livremente, tendo que ficar atrelados majoritariamente à compra de ativos que compõem a referência adotada (como o Ibovespa e o Idiv). 

Já na administração ativa, o gestor tem mais autonomia. Isso porque ele não tem um referencial a seguir - a não ser, é claro, pelas características primárias do fundo (como ser ligado à renda fixa ou ao mercado de ações, por exemplo). 

gestor-investimentos3

Importância da Gestão de Investimentos para o Mercado 

O mercado financeiro depende muito da atuação dos gestores, pois eles ajudam nas movimentações. A necessidade de fazer com que o patrimônio gerenciado de um cliente cresça faz com que o mercado esteja constantemente aquecido. 

Como são pagos de maneira comissionada, os gestores de investimento costumam ter uma rotina bastante agitada, com diversos tipos de negociações acontecendo. 

Qual o salário de um gestor de investimentos? 

O mercado financeiro atrai cada dia mais pessoas que queiram atuar na área. Uma das razões é a remuneração acima da média. Com bons salários e oportunidades de desenvolver planos de carreira, o setor é muito disputado. 

Uma reportagem da revista InfoMoney, aponta que é possível ganhar até 35 mil reais mensais como gestor. 

Claro que essas remunerações são para gestores de carteiras grandes, com muita experiência profissional. 

A média salarial para o gestor de investimentos no Brasil é R$8346,00, segundo o site Vagas. 

O que é preciso para ser gestor de investimentos? 

O gestor de investimentos precisa ter uma autorização especial da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para exercer a profissão. 

A CVM prevê que o gestor pode ser tanto uma pessoa jurídica (como uma instituição financeira, por exemplo) quanto uma pessoa física (como é o caso de funcionários contratados pela administradora do fundo onde o gestor trabalhará). 

Pós-graduação em Gestão de Investimentos 

Uma alternativa para quem busca se inserir no mercado de trabalho do mercado financeiro é fazer uma pós-graduação na área. 

A UCS oferece a pós em Gestão de Investimentos e Performance Financeira, no formato EAD. 

O curso tem um ano de duração e é recomendado para administradores, contadores, economistas, gestores, investidores com ensino superior e demais entusiastas na área de finanças e investimentos. 

Com aulas 100% on-line, quem fizer o curso de Gestão de Investimentos e Performance Financeira pode estudar de forma flexível, uma vez que o conteúdo fica disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana no ambiente virtual de aprendizagem (AVA). 

A grade curricular do curso contém os seguintes conteúdos: 

ESTRATÉGIA E PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 
LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPES  
INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE 

GESTÃO POR PROCESSOS E QUALIDADE 
FINANÇAS CORPORATIVAS  
MARKETING E VENDAS  

CONTABILIDADE EMPRESARIAL E GOVERNANÇA   
PLANEJAMENTO FINANCEIRO E ORÇAMENTÁRIO  
AVALIAÇÃO DE EMPRESA 

ADMINISTRAÇÃO E AVALIAÇÃO DE PROJETOS  

ANÁLISE DE CENÁRIOS ECONÔMICOS (NACIONAL E INTERNACIONAL)  

MERCADO DE CAPITAIS 

gestor-investimentos-2

A importância do estudo a distância para quem trabalha 

O ensino a distância cresceu muito nos últimos anos, especialmente por ser a alternativa ideal para quem quer aprofundar os conhecimentos, mas não tem condições de assistir aulas presenciais, especialmente pela falta de tempo. 

Embora, possa parecer mais fácil estudar de forma remota, é importante ter foco e disciplina. 

Para estudar e trabalhar ao mesmo tempo, a dica é ter uma programação de horários bem estruturada. Faça uma lista com as principais atividades e marque as que são prioridades. 

Faça uma agenda semanal com todos os seus compromissos, incluindo seus horários de lazer.  

Diante dessa agenda, tente ver quais os horários ficam disponíveis para os estudos. 

Para fazer uma pós EAD, é importante que o estudante tenha um nível alto de concentração e dedicação, por isso é fundamental ter um espaço adequado, bem iluminado, arejado e distante de distrações. 

Desta forma, é possível conciliar os estudos com a rotina pessoal e profissional. 

Um dos grandes diferenciais do ensino a distância é permitir que pessoas possam crescer profissionalmente por meio do estudo, sem a necessidade de abrir mão de seus empregos. 

Conclusão 

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o que faz um gestor de investimentos e o que é necessário para tornar-se um profissional do mercado financeiro, que tal ingressar na pós-graduação em Gestão de Investimentos e Performance Financeira da Universidade de Caxias do Sul? 

O curso foi pensado para oferecer o que há de melhor em termos de conhecimentos na área, preparando o profissional para ingressar no mercado tão logo conclua o curso. 

Imagine que começando agora o curso, dentro de um ano você já poderá estar trabalhando neste setor tão valorizado e disputado. 

Faça sua inscrição agora mesmo e comece seus estudos. 

O mercado financeiro busca por profissionais de excelência, com salários bem atraentes. Quem sabe seu futuro não está aí? 

New call-to-action
New call-to-action
O que você achou dessa publicação?
Deixe seu comentário aqui.