Ler o post

Se você está pensando em fazer o curso de Engenharia Ambiental, já vamos logo avisando: o mercado de trabalho necessita de profissionais qualificados.

Ou seja, vale a pena investir em educação, sim.

Você sabia que a má qualidade do meio ambiente provoca 12,6 milhões de mortes por ano no planeta, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS)?

Isso significa que 23% das mortes por ano se devem a ambientes pouco saudáveis.

É um número muito alto, não acha?

Por isso, preservar o meio ambiente é algo indispensável e, mais do que isso, urgente.

Portanto, se este é o seu objetivo, não deixe de acompanhar o artigo e conhecer mais sobre a profissão, o mercado de trabalho e a formação necessária para atuar na área.

Confira a seguir!

O que é Engenharia Ambiental?

A Engenharia Ambiental, também conhecida como Engenharia do Ambiente, é um ramo da engenharia voltado aos estudos e preservação do meio ambiente.

Para isso, é preciso entender a relação entre o homem e os fatores ambientais, a fim de identificar os impactos causados e pensar em formas de promover a sustentabilidade.

Como é o curso de Engenharia Ambiental?

engenharia ambiental como e curso

Durante o curso de Engenharia Ambiental, os estudantes são estimulados a trabalhar com sistemas, equipamentos e técnicas para entender e combater diversos problemas.

Afinal, para atuarem na área e trabalharem em prol da sustentabilidade, precisam desenvolver a capacidade de avaliar as alterações ambientais causadas pelas atividades do homem, considerando sua dimensão, duração e natureza.

Qual a grade curricular?

A grade curricular do curso de Engenharia Ambiental varia de acordo com a instituição de ensino.

Na UCS - Universidade de Caxias do Sul, por exemplo, o aluno tem contato com as seguintes disciplinas:

1º semestre

Módulo 1

  • Inovação e Criatividade
  • Produção Discursiva: Oralidade e Escrita no Ensino Superior
  • Carreira na Engenharia e Tecnologia.

Módulo 2

  • Gestão de Projetos
  • Segurança, Ergonomia e Saúde Ocupacional
  • Gestão Ambiental e Responsabilidade Social.

2º semestre

Módulo 3

  • Ciência dos Materiais
  • Sociedade, Cultura e Cidadania
  • Química Geral e Experimental.

Módulo 4

  • Optativa de Formação Geral I
  • Cálculo Diferencial e Integral I
  • Expressão Gráfica.

3º semestre

Módulo 5

  • Optativa de Formação Geral II
  • Ética, Lógica e Argumentação
  • Pensamento Computacional.

Módulo 6

  • Estatística
  • Cálculo Diferencial e Integral II
  • Física: Mecânica.

4º semestre

Módulo 7

  • Tópicos de Mecânica dos Sólidos
  • Geometria Analítica e Álgebra Linear
  • Física: Ondas e Calor.

Módulo 8

  • Eletricidade Aplicada
  • Mecânica dos Fluidos
  • Física: Eletromagnetismo

5º semestre

Módulo 9

  • Processos Biológicos e Ecossistemas
  • Representação Gráfica Aplicada
  • Cálculo Diferencial e Integral III.

Módulo 10

  • Fundamentos de Química Orgânica
  • Ferramenta da Qualidade
  • Técnicas Analíticas.

6º semestre

Módulo 11

  • Gestão e Qualidade dos Recursos Hídricos
  • Topografia e Geoprocessamento Ambiental
  • Transferência de Calor e Massa.

Módulo 12

  • Geologia e Geotecnia Aplicada
  • Termodinâmica
  • Ecossistêmica Aplicada à Engenharia Ambiental.

7º semestre

Módulo 13

  • Gestão de Resíduos Sólidos
  • Sistemas Condutores de Água e Efluentes
  • Processos Físico-Químicos de Tratamento de Águas e Efluentes.

Módulo 14

  • Impactos e Riscos Ambientais
  • Hidrologia Geral e Drenagem Sustentável
  • Planos e Projetos em Resíduos Sólidos.

8º semestre

Módulo 15

  • Energias Renováveis
  • Processos Biológicos de Tratamento de Efluentes.

Módulo 16

  • Modelagem e Simulação de Sistemas Ambientais
  • Recuperação de Áreas Degradadas.

9º semestre

Módulo 17

  • Licenciamento, Perícia e Auditoria Ambiental
  • Saneamento e Saúde Pública
  • Projetos Sustentáveis nas Organizações.

Módulo 18

  • Recursos Naturais e Mudanças Climáticas
  • Planejamento Ambiental.

10º semestre

Módulo 19

  • Análise de Investimentos em Engenharia
  • Tecnologia de Controle de Emissões Atmosféricas
  • Planejamento Experimental.

Módulo 20

  • Educação Ambiental
  • Comportamento Humano nas Organizações
  • Projeto em Engenharia.

Também é necessário cumprir as horas de estágio e apresentar o Trabalho de Conclusão do Curso (TCC).

Duração do curso

A duração do curso depende da instituição de ensino e do formato. 

Na UCS, a graduação é um bacharelado e tem duração de cinco anos.

Investimento

A graduação em Engenharia Ambiental da UCS é realizada de forma semipresencial.

Ou seja, os alunos têm aula online e encontro presencial uma vez por semana.

Dessa forma, o investimento é menor. A mensalidade é de R$ 697,00.

Tipos de titulação em Engenharia Ambiental

Você viu que a formação em Engenharia Ambiental da UCS é bacharelado. Mas você sabe o que isso significa?

Conhece os outros tipos de titulação existentes?

Saiba agora:

  • Licenciatura: forma profissionais que querem atuar no magistério. Assim, além de desenvolver habilidades relacionadas à área, os alunos também aprendem a lecionar
  • Licenciatura interdisciplinar: neste tipo de titulação, o aluno não estuda apenas uma área do saber, mas várias, e assim pode dar aulas de diversas disciplinas
  • Bacharelado: o bacharelado tem duração média de quatro anos e, durante esse tempo, o aluno aprende um pouco de tudo. Dessa forma, torna-se apto a trabalhar em diferentes lugares e setores
  • Bacharelado interdisciplinar: é uma formação mais generalista, assim como a licenciatura interdisciplinar. A diferença é que, aqui, o foco da profissão não é o magistério
  • Tecnológico: este formato é mais curto, justamente porque é voltado para o desenvolvimento das práticas da profissão e competências necessárias para o trabalho.

Qual é o perfil profissional do engenheiro ambiental?

engenharia ambiental qual perfil profissional engenheiro

Evidentemente, o engenheiro ambiental deve se interessar pelo meio ambiente.

Ele também precisa gostar de disciplinas como matemática e física, já que a profissão faz parte da área de Exatas.

Mas, além disso, outras habilidades são fundamentais. 

Saiba mais a seguir!

Quais são as principais competências pessoais do profissional de engenharia ambiental?

No dia a dia da profissão, além dos aspectos técnicos, o engenheiro ambiental lida com profissionais diversos e ainda lidera equipes. 

Por isso, ele deve:

  • Possuir visão crítica da atuação social e da política ambiental
  • Saber se comunicar
  • Ter bom relacionamento interpessoal
  • Ser um líder inspirador
  • Buscar conhecimento e desenvolvimento constante.

Como é o mercado de trabalho para quem faz Engenharia Ambiental?

O mercado de trabalho para quem faz Engenharia Ambiental é bastante favorável.

Afinal, cada vez mais se fazem necessárias políticas e ações de preservação ao meio ambiente.

Além disso, as empresas também têm se conscientizado quanto aos seus impactos e a necessidade de minimizá-los.

Assim, o engenheiro ambiental encontra trabalho, principalmente, em indústrias, mas também em organizações diversas e órgãos públicos.

Qual é o salário de um engenheiro ambiental?

O salário de um engenheiro ambiental depende da experiência profissional, da área de atuação e da empresa em que o profissional trabalha.

Mas, fazendo algumas buscas em sites de emprego, é possível avaliar a média salarial brasileira.

Segundo o portal Trabalha Brasil, um engenheiro ambiental no início da carreira costuma ganhar cerca de R$ 2.900,00. 

Quando já tem ampla experiência, e empregado de multinacional, a remuneração do profissional gira em torno de R$ 9.200,00. 

O que faz um profissional formado em Engenharia Ambiental?

O engenheiro ambiental tem como principal objetivo a preservação do meio ambiente.

Este propósito é cumprido por meio de políticas, estratégias e ações que visam reduzir o impacto humano no planeta e recuperar as áreas que sofrem com a má utilização dos recursos ambientais.

Assim, é papel do profissional de Engenharia Ambiental planejar, coordenar e administrar todas essas atividades.

Em quais áreas o engenheiro ambiental pode trabalhar?

engenharia ambiental em que areas engenheiro pode trabalhar

    • Análise de ciclo de vida: tem como intuito analisar os impactos dos produtos e processos no meio ambiente
    • Controle de poluição: além de fiscalizar a emissão de poluentes nas empresas, também trabalha para reduzi-la
  • Energia: trata-se de um campo que estuda a energia e a relação dela com o meio ambiente, sobretudo os impactos causados
  • Geoprocessamento: nesta função, o engenheiro civil atua com o processamento de dados geográficos informatizados
  • Planejamento e gestão ambiental: envolve todos os planos e estratégias para a preservação do meio ambiente
  • Pesquisa: é a área voltada para quem gosta de trabalhar com pesquisas acadêmicas, produzindo artigos e outros estudos
  • Recuperação de áreas: aqui é o oposto da prevenção, uma vez que o engenheiro atua para resgatar ambientes já devastados
  • Recursos hídricos: nesta área, o engenheiro tem a incumbência da sustentabilidade, mas voltada, especificamente, à água
  • Resíduos Sólidos: já em resíduos sólidos, o profissional é responsável por ações e estratégias relacionadas ao descarte de materiais
  • Saneamento: em saneamento, o trabalho inclui, principalmente, as redes de tratamento de esgoto, de captação de água e drenagem.

Qual a nota de corte para Engenharia Ambiental?

A nota de corte é válida, sobretudo, para quem pretende conseguir uma vaga em universidade pública ou concorrer a bolsas de estudos oferecidas pelo governo.

No SiSU (Sistema de Seleção Unificada), a nota de corte média no Brasil em 2019 foi de 686.73, segundo o site Quero Bolsa.

Já para o Prouni (Programa Universidade para Todos), 621.72.

Onde estudar Engenharia Ambiental?

engenharia ambiental onde estudar

Decidido a fazer faculdade de Engenharia Ambiental?

Então, saiba que é preciso procurar uma instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Sem isso, o seu diploma não vale no mercado.

É importante também avaliar a reputação da universidade, conhecer a grade curricular do curso e definir a modalidade de ensino.

Educação presencial x educação a distância (EAD)

Enquanto a educação presencial exige a presença do aluno no câmpus para assistir às aulas e fazer as atividades, a educação a distância (EAD) pode ser feita online.

Ou seja, o aluno acompanha todo o conteúdo pela internet e comparece à instituição de ensino algumas vezes por semana ou apenas para a realização de provas e trabalhos.

No caso do curso de Engenharia Ambiental EAD da UCS - Universidade de Caxias do Sul, o encontro presencial acontece uma vez por semana.

A educação a distância tem ganhado cada vez mais adeptos, justamente por ser um modelo que permite flexibilidade para estudar em casa e nos melhores horários.

Além disso, as mensalidades são mais acessíveis do que uma graduação presencial.

Conclusão

Bem, agora que você já sabe como é a área de Engenharia Ambiental, o mercado, o salário e o curso, ficou mais fácil decidir se a graduação combina com você.

Se a resposta for positiva, você já sabe onde estudar: na Universidade de Caxias do Sul.

O curso EAD é reconhecido pelo MEC e a instituição de ensino tem mais de 50 anos de experiência.

Inscreva-se!

Gostou do artigo? Então, aproveite o espaço abaixo para deixar o seu comentário.

New call-to-action
New call-to-action
O que você achou dessa publicação?
Deixe seu comentário aqui.