Ler o post

A ciência de dados tem se consolidado como uma ferramenta importante para as empresas na atualidade. O Data Warehouse é o precursor dessa tecnologia, com ferramentas que armazenam e analisam dados de diferentes fontes.   

Desde 1990, com a ascensão e difusão da internet e suas tecnologias, os dados vêm assumindo um papel de cada vez mais destaque na nossa sociedade. 

Segundo um relatório produzido pelo We Are Social e Hootsuite de janeiro de 2021,  existem 4,66 bilhões de usuários na rede atualmente. E cada uma dessas pessoas produz uma grande quantidade de dados digitais diariamente.   

Informações do relatório Data Never Sleeps (Dados não dormem nunca, em tradução livre), da empresa Domo, especializada em computação na nuvem, comprovam essa teoria.   

A empresa produz esse levantamento anualmente para identificar a quantidade de informação que é gerada na internet a cada minuto, todos os dias.  

De acordo com a pesquisa, a cada minuto, 347 mil novos Stories são postados no Instagram, 147 mil fotos são publicadas no Facebook e 41 milhões de mensagens são trocadas no WhatsApp.   

Mesmo que expressiva, a produção de dados nas redes sociais é apenas uma parte do total. Empresas de grande porte, por exemplo, armazenam e produzem uma infinidade de dados todos os dias.   

Se anteriormente bastava armazenar essas informações, como base para o funcionamento de sistemas, na atualidade, o foco está na análise desses dados, pensando em como transformá-los em informações úteis para as empresas. É nesse contexto que entra o Data Warehouse.  

Neste artigo, vamos explicar mais sobre o que é Data Warehouse, trazendo informações sobre o curso e o mercado de trabalho na área.  

Confira: 
O que é um Data Warehouse e como ele funciona? 
Importância do Data Warehouse 
Quem pode trabalhar com Data Warehouse? 
Qual curso fazer para aprender Data Warehouse? 
Conclusão 

data-warehouse - homem e mulher em frente a tela de computador com muitos dados

O que é um Data Warehouse e como ele funciona? 

O Data Warehouse é um sistema de processamento e armazenamento de altos volumes de dados. O objetivo da tecnologia é centralizar dados de diversas fontes e facilitar sua consulta.  

Traduzindo diretamente para o português, Data Warehouse significa "Armazém de Dados”. Ou seja, é uma tecnologia que permite a organização de banco de dados para análises e Business Intelligence (Inteligência de Negócios).  

O conceito de Data Warehouse surgiu no meio acadêmico na década de 80. Conforme os sistemas de informação empresariais se desenvolviam, foi crescendo a necessidade de uma tecnologia que permitisse a organização e a análise dos dados produzidos.   

O desenho da base de dados do Data Warehouse favorece a análise de grandes volumes de dados, assim como possibilita a produção de relatórios com informações estratégicas para as empresas. 

Essa característica da tecnologia foi essencial para sua implantação no universo corporativo.  

O Data Warehouse faz parte do mercado de Business Intelligence, que se refere a um conjunto de técnicas e ferramentas para auxiliar na transformação de dados brutos em informações significativas e úteis para um negócio.  

Nesse sentido, o Data Warehouse é uma peça importante do mercado de Business Intelligence, afinal, a ferramenta foi projetada especificamente para análises de dados.  

Essa tecnologia possibilita a criação e organização de relatórios por meio de históricos, ajudando as empresas a compreender relações e tendências entre os dados.  

O Data Warehouse funciona da seguinte forma: dentro de cada banco de dados, as informações são organizadas em tabelas e colunas. Dentro de cada coluna, é possível definir uma descrição dos dados, como número inteiro, campo de dados ou sequência. Já nas tabelas, as informações podem ser organizadas dentro de esquemas.   

Essa organização garante a qualidade, consistência e precisão de dados, facilitando o acesso, a extração e, posteriormente, análise das informações coletadas.   

Através desses dados, o Data Warehouse permite que as empresas identifiquem oportunidades ou riscos, sendo uma das funcionalidades essenciais dos sistemas de Business Intelligence.  

Além disso, com o tempo, a tecnologia cria um registro histórico inestimável para os analistas de dados, proporcionando análises profundas que impactam diretamente as decisões de uma empresa. 

New call-to-action

Importância do Data Warehouse 

Não restam dúvidas que vivemos na era da informação. Além de sermos bombardeados diariamente com notícias e informações importantes sobre o mundo, toda atividade digital gera algum tipo de dado.   

Na atualidade, os dados vêm deixando de ser mera consequência das atividades virtuais e vem se configurando como ferramentas essenciais para o crescimento de empresas e negócios.   

Não é à toa que grandes empresas da atualidade têm investido cada vez mais em soluções de Business Intelligence. A Amazon, gigante do e-commerce, é um ótimo exemplo. Sua estratégia de sucesso está estruturada em cima de Business Intelligence.   

A empresa coleta informações como histórico de compras e localização para ajustar os algoritmos de marketing e afinar a estratégia de atendimento ao consumidor.   

Outra empresa conhecida pelas boas práticas de Business Intelligence é a Netflix  

Utilizando os dados de seus milhões de usuários, o serviço de streaming identifica hábitos e gostos para construir sua programação e produzir seus conteúdos.   

Ambas as empresas têm margens de lucro expressivas, demonstrando a importância da análise de dados para um negócio.   

Como parte importante das soluções de Business Intelligence, o Data Warehouse é uma tecnologia promissora e que já faz parte das grandes potências comerciais da atualidade.  

Essa tecnologia oferece para as empresas de todos os ramos e portes ótimas oportunidades de crescimento.  

importancia-data-warehouse - notebook aberto com tela preta e dados coloridos

Quem pode trabalhar com Data Warehouse? 

Como vimos anteriormente, Data Warehouse é uma tecnologia atual e muito necessária para praticamente todas as empresas da atualidade.   

Em função dessa importância, especialistas nessa tecnologia encontram um mercado aquecido e cheio de oportunidades, visto que é uma área que ainda dispõe de poucos profissionais capacitados.   

Pessoas que já desenvolvem trabalhos em áreas como tecnologia da informação, estatística, administração e marketing podem atuar na área de Business Intelligence e se especializar em Data Warehouse.   

Ao focar nessa área, esses profissionais investem em uma carreira promissora e com cada vez mais oportunidades de crescimento.   

Com a rapidez que as mudanças chegam em todo mundo, o setor de tecnologia é um dos que mais cresce. De acordo com dados do Banco Mundial, a previsão é que até 2024 sejam criadas 420 mil novas vagas na área de Tecnologia da Informação.   

Além disso, com as mudanças provocadas pela pandemia da Covid-19, a tendência é que os meios digitais se fortaleçam ainda mais. Dessa forma, é essencial que existam profissionais capazes de gerar e analisar as grandes quantidades de dados que ainda virão a ser produzidas.  

Qual curso fazer para aprender Data Warehouse? 

Os cursos de Data Warehouse são destinados aos profissionais que já possuem graduação e trabalham em áreas como tecnologia da informação, estatística e administração e marketing.   

O curso mais indicado para quem quer conhecer e se especializar nessa tecnologia é a pós-graduação em Data Warehouse e Business Intelligence.   

Essa formação permite que os profissionais desenvolvam as capacidades necessárias para analisar e transformar os dados computados pelo Data Warehouse em informações úteis para as empresas.  

pós-graduação EAD em Data Warehouse e Business Intelligence da UCS  é hoje uma das mais disputadas para se especializar na área. Conheça a grade curricular:  

Eixo 01: Estratégia e inovação em TI 

Gestão Estratégica em Tecnologia da Informação — 30 horas-aula 

Inovação e Design Thinking — 30 horas-aula 

Empreendedorismo e Inovação em TI — 30 horas-aula  

Eixo 02: Fundamentos em inteligência de negócios 

Inteligência Competitiva e Os Indicadores de Performance — 30 horas-aula 

Modelagem Multidimensional de Dados — 30 horas-aula 

Arquitetura de Data Warehouse e Data Marts — 30 horas-aula  

Eixo 03: Projeto de soluções em data warehouse 

Recuperação da Informação (Etl) e Mineração de Dados — 30 horas-aula 

Visualização de Dados — 30 horas-aula 

Governança e Qualidade dos Dados — 30 horas-aula  

Eixo 04: Tópicos especiais em inteligência de negócios 

Big Data — 30 horas-aula 

Data Science — 30 horas-aula 

Aprendizado de Máquina — 30 horas-aula  

pós-graduação EAD em Data Warehouse e Business Intelligence da UCS tem duração de um ano e pode ser realizada totalmente a distância.   

Além das facilidades do EAD, na pós da UCS, a cada 3 meses de curso, o estudante conquista um certificado e seu currículo ganha uma nova linha de qualificação.  

Ou seja, mesmo antes de terminar o curso, já é possível utilizar os certificados para conseguir acelerar sua carreira profissional. 

curso-data-warehouse - homem de óculos em frente ao computador

Conclusão 

Neste artigo, conhecemos mais sobre Data Warehouse, a importância dessa tecnologia e o mercado de trabalho na área.   

A ciência de dados é uma das áreas mais promissoras da atualidade, concentrando boas oportunidades de emprego e crescimento profissional.   

Os dados deixaram de ser apenas informações funcionais para os sistemas e vem se tornando fonte inesgotável de conhecimento.  

Através deles, diversos perfis de empresas traçam estratégias e se desenvolvem cada vez mais.   

Para quem já trabalha em alguma área relacionada à tecnologia, investir em uma pós-graduação em Data Warehouse e Business Intelligence é uma ótima forma de se atualizar e qualificar o currículo.   

E para quem busca estudar com praticidade e facilidade, os cursos EAD UCS são uma boa opção.  

As pós-graduações da UCS possuem conteúdo de excelência, além de professores e tutores altamente especializados e inseridos no mercado de trabalho. Conheça todas as vantagens!  

New call-to-action
New call-to-action
O que você achou dessa publicação?
Deixe seu comentário aqui.